Fechar
< Anterior
O Cérebro de Buda
Próximo >
Oração da Luz
Autoconhecimento

Você não pode estar solitária se gostar da pessoa com quem fica quando está sozinha

29 de outubro de 2016

Vivenciar momentos de solidão nos permite ouvir nossos sentimentos e necessidades pois estamos longe de interferências. Entretanto as pessoas costumam sentir medo de estar apenas consigo próprias. “A solidão nos dá medo porque com ela caem todas as máscaras. Vivemos sempre mantendo as aparências, em busca de reconhecimento, mas raramente tiramos tempo para olhar para dentro”, diz o filósofo Francesc Torralba, autor de A Arte de Ficar Só (Ed. Milenio) e diretor da cátedra Ethos da Universidade Ramon Llull.

Tomar uma certa distância do barulho social nos dá clareza. Nos torna independentes pois descobrimos que a chave para a plenitude depende apenas de nós mesmos.

Solidão na montanha

Imagem amorosamente compartilhada por Alain Audet

Mireia Darder, autora do livro Nascidas para o Prazer diz: “Só quando estou sozinha me sinto totalmente livre. Reencontro-me comigo mesma e isso é agradável e reparador. É certo que, por inércia, quanto menos só se está, mais difícil é ficá-lo. Mesmo assim, em uma sociedade que obriga a ser enormemente dependente do que é externo, os espaços de solidão representam a única possibilidade se fazer contato novamente consigo. É um movimento de contração necessário para recuperar o equilíbrio”.

“A solidão é a sorte de todos os espíritos excelentes”.
Arthur Schopenhauer

O psicoterapeuta Flavio Gikovate diz que todas as pessoas deveriam ficar sozinhas de vez em quando. Isto favorece o diálogo interno e a descoberta da força pessoal. Somente estando na solidão podemos entender que a harmonia e a paz de espírito serão encontradas dentro de nós mesmos.

Os momentos de isolamento são necessários para reflexão e autoconhecimento. Olhar para dentro nos ajuda a acolher nossa sombra, aquele lado que não gostamos e sempre tentamos esconder até de nós mesmos. Em outro post falo mais sobre ela.

Acolher e aceitar nossa sombra e olhar com amor para todas as nossas qualidades pouco a pouco nos ensina a nos amarmos. E isso será suficiente para que nos sintamos bem em nossa própria companhia.

Solidão junto ao mar

Imagem amorosamente compartilhada por Czu Czu

Permita-se fechar os olhos por alguns instantes, praticar o silêncio, abrir seu coração e sinta quanto amor há dentro dele pronto para emanar e te dar contentamento.

Em tempo: a citação no título do post é do Dr. Wayne Dyer.

E você, gosta de ficar por alguns momentos sozinha? Se permite vivenciar a solidão?  Como se sente? Partilhe comigo suas sensações e vivências ;)

Um beijo cheio de luz

Nia
0 Comentários
Comente via facebook
Comente, Vou Adorar Ler!
Receba posts por email
e fique por dentro das novidades do blog!